(85)   3055.0505 (85) 3055.0505
(85) 98785.7745 (85) 98785.7745

Blog

Rinoplastia com nariz pequeno é coisa do passado

12 de junho de 2015 Por: Blog,Face
rinoplastia nariz pequeno

Gisele Bundchen e Cauã Reymond (Foto: Reprodução/Instagram)

Rinoplastia com nariz pequeno é coisa do passado. Esse foi o título de uma manchete do jornal O Globo do dia 10/06/2015¹, mostrando que a tendência dos narizes pequenos da década de 1950 até os anos 1990 já está ultrapassada. Personalidades como Gisele Bündchen e Cauã Reymond, cujos narizes são considerados grandes para os padrões passados, estariam na vanguarda da tendência.

Entretanto, essa mudança nos padrões de beleza não é fruto puramente de moda. Não é que gostássemos de narizes pequenos e, de repente, isso mudou com as cores da estação. A razão para essa mudança de paradigma é primariamente técnica.

A rinoplastia deixava os narizes eram menores na década de 1950 porque os recursos cirúrgicos eram limitados e tudo o que se podia fazer era reduzir. Os procedimentos nem sempre eram incólumes e geraram muitas sequelas estéticas e funcionais. O advento das técnicas de enxerto, principalmente de cartilagem, permitiram rinoplastias com aumento de determinadas regiões em conjunto com a redução de outras. Isso elevou a rinoplastia a um outro patamar de perfeição, muito comparável a uma escultura.

Portanto, não foram as personalidades que conduziram essa tendência de abandono das grandes reduções, mas sim, os resultados primorosos que passaram a ser vistos e, muitas vezes, não percebidos, tamanha a naturalidade das rinoplastias.

Eu, particularmente, sou um grande defensor da rinomodelação, ao invés da simples “rinorredução”, um conceito presente em todas as minhas aulas ministradas país afora sobre o tema. Como estudioso dessa área, tive a oportunidade de escrever um artigo provando, com significância estatística, que o aumento de determinadas estruturas é capaz de eliminar a falsa impressão de nariz grande². Esse tipo de abordagem me permitiu ter condutas minimamente invasivas em relação à modelagem nasal.

Dessa forma, cerca de 50% dos meus casos são resolvidos sem cirurgia, com pequenas injeções de material reabsorvível na própria clínica. Trata-se de um procedimento de menos de 10 minutos, cujo efeito dura 12 meses, em média. Ainda assim, continuo a realizar rinoplastias realmente cirúrgicas nos outros 50%.

1. Revista Glamour

2. Artigo: Influência da forma na percepção das dimensões nasais (ainda não liberado para publicação).

Comentários

2 Respostas Para “Rinoplastia com nariz pequeno é coisa do passado”

  1. Bruna

    Oi, boa tarde!
    Estou muito interessada em fazer uma rinomodelação. Meu nariz me incomoda bastante e ainda nao tenho coragem de me submeter a uma rinoplastia convencional. Quando vi a nova técnica me interessei já que é um procedimento reversível, caso não goste. Gostaria de saber mais informações e inclusive quanto custa o procedimento.
    Obrigada

    Responder
    • Dr. Eduardo Furlani

      Entre em contato com a clínica para essas informações, ok? 85-30550505 ou pelo whatsapp 85 987857745

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

voltar