(85)   3055.0505 (85) 3055.0505
(85) 98785.7745 (85) 98785.7745

Blog

Prótese de silicone no glúteo

13 de janeiro de 2015 Por: Blog,Corpo

Com ótimos resultados, cicatriz inaparente e tudo a ver com a cultura brasileira, a prótese de silicone no glúteo promete ser cada vez mais frequente. Talvez o único motivo para ainda ser menos comum que a de mama seja por ser mais recente e menos conhecida.

Os primeiros procedimentos foram muito inspirados nas técnicas para seios, com inclusões em plano subcutâneo (abaixo da camada de gordura) de próteses desenhadas para a mama. Além disso, tudo era bastante doloroso e os cirurgiões acreditavam que as pacientes não podiam deitar sobre as próteses, sendo necessárias posições muito desconfortáveis.

Veja algumas evoluções técnicas:

plano intramuscular: mais naturalidade, aparentando aumento do músculo glúteo maior. Menor chance de visibilidade e de deslocamento da prótese. Cirurgia mais rápida.
próteses específicas: são mais consistentes que as de mama, mas compatíveis com a região. Formas específicas para o glúteo, com melhores resultados.
decúbito dorsal: ao contrário do que se imaginava, proporciona menos dor no pós operatório, menor chance de sangramento e mais conforto pela posição de barriga pra cima.
incisão no sulco interglúteo:incialmente existiam incisões no sulco subglúteo (dobrinha sob o bumbum), imitando o procedimento mamário. A incisão evoluiu para o sulco interglúteo (dobrinha entre os dois lados do bumbum), ficando totalmente inaparente em condições normais.
Enfim, esse é um dos procedimentos de maior evolução no tocante ao contorno corporal das últimas décadas, proporcionando ótimos resultados, com bastante segurança, superando os preenchimentos com material sintético, como o hidrogel e o PMMA.

Comentários

2 Respostas Para “Prótese de silicone no glúteo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

voltar